O Inbound Sales chega como um dos diversos tipos de vendas existentes e comuns para as empresas. A parte mais difícil é sempre escolher um modelo que solucione as diversas demandas de cada negócio. São muitos os pontos a serem considerados, pois o modelo de vendas influencia diretamente no sucesso da empresa, seu desenvolvimento e crescimento.

Algumas das formas comuns são as indicações – quando o cliente, satisfeito com o seu produto ou serviço, traz outros prospects e leads para a sua empresa. Há, também, as vendas em Outbound – em que os vendedores fazem serviço de venda e pré-venda, ligando para leads sem informações, que podem não entender o que você faz, nem quem você é. 

Os estudos, tentativas e diversificações que existem hoje para o mundo de vendas são cada vez mais recorrentes. O processo de vendas, em geral, tem sido estudado porque, ao longo dos anos, modelos tradicionais foram comprovados com sua facilidade, mas com resultados baixos.

As dores de quem é vendedor, então, foram repensadas. Se um vendedor marca muitas reuniões e/ou depende de indicações, ele acaba perdendo muito tempo e oportunidades. Então, será que seu público-alvo não está esperando pelo contato, enquanto o vendedor está ligando para outra pessoa? E o pior: ainda tendo que explicar quem é e o que vende? 

Assim, surgiu o Inbound Sales. Um formato que aproveita o posicionamento do consumidor e usa o seu target a seu favor. 

O que é Inbound Sales? 

Quando falamos que o vendedor “usa” o público a seu favor, não é por acaso – e nem de forma negativa. Pelo contrário: o Inbound Sales faz uma abordagem estratégica, já que sabe que quem está do outro lado da linha já tem algum conhecimento sobre a empresa que está falando, ou busca, de uma forma ou de outra, consumir o produto em questão. Aqui, o vendedor não precisa se desdobrar para “educar” o lead, e muito menos dar voltas e voltas em sua ligação para tentar efetuar a venda. O trabalho é simplificado. 

Mas, e o que você ganha com isso, além de tempo? 

A eficiência e a melhora na abordagem tem ganhos para quem vende e para quem compra. Respeitar a tendência do consumidor e realizar abordagens mais exclusivas, que geram valor e que qualificam o contato com o lead é fundamental, já que o Inbound tem como característica a maior taxa de conversão, maiores possibilidades de outros módulos de venda (como upsell) e também maior aderência do lead à empresa, fazendo com que ele se torne um cliente mais fiel. 

Além de uma jornada de compra mais facilitada, você facilita também a sua jornada de venda. Seus vendedores conseguem informações mais precisas sobre cada lead, tornando o rapport mais eficiente. Com isso, a proposta consegue ser melhor formulada, atendendo de forma inteligente o lead. 

Com o Inbound Sales, você consegue:

  • estabelecer mais compromisso e confiança entre empresa e consumidor;
  • melhorar os números, métricas e metas da sua equipe de vendas;
  • facilitar e agilizar o trabalho de sua equipe comercial;
  • atender leads qualificados, com rapport mais afiado;
  • diminuir custos e não perder tempo com leads frios ou não compatíveis.
inbound-sales

E onde entra o CRM? 

Um CRM de vendas faz a união entre tecnologia e gestão de informações. Desse modo, controla o funil e traz mais precisão para todo o processo do lead, desde a chegada à empresa até sua conversão em cliente. Essa gestão facilita ainda mais o trabalho dos vendedores e consegue gerir e armazenar informações necessárias. Além de administrar dados e ajudar no fornecimento de dados mais personalizados. 

Embora o CRM seja um software e/ou programa, ele humaniza o contato da empresa com o lead, pois ajuda na aplicação de técnicas de rapport exclusivo. Como já mencionamos anteriormente no blog do Bulldesk, a sistematização da jornada e o levantamento de métricas e indicadores só ajuda no tratamento “um a um” de cada lead, e essa é uma tendência de consumo muito importante para equipes de vendas. 

Assim, o CRM cruza suas funções com todo o desenho de uma estratégia de Inbound Sales, que busca trazer vantagens para quem compra e para quem vende. Dessa forma, foca-se na efetividade de resultados. O CRM fornece o material necessário para que você otimize o tempo da venda, diminua custos, aumente produtividade e não perca oportunidades. Além de filtrar os leads de acordo com o seu interesse. 

O Bulldesk pode ajudar sua equipe de vendas a unir as estratégias de Inbound Sales. Conte com uma ferramenta que facilita todos os processos e operações. Faça o trial e experimente hoje mesmo!